Veja o Espírito Santo no pastor gago

“Você nunca vai conseguir aquele emprego, sequer fez o segundo grau!”; “Esqueça sobre ser mãe, você é muito velha!”; “Você nunca vai ser bem-sucedido na vida, você é cego!”; “Ninguém nunca vai lhe achar atraente, você é muito gorda!”; “Aquela promoção nunca vai ser sua, você é muito novo!”





Em algum lugar no mundo existem pessoas que estão ouvindo ou até pensando nessas exatas palavras. Essas pessoas, jovens e velhos, passam a vida acreditando que eles ou os seus sonhos nunca vão chegar a lugar algum. E a parte triste é que, enquanto eles continuam a ouvir as declarações negativas acima, nunca vão viver além das palavras que já aceitaram como verdadeiras.
Este foi o desafio de Isaac Mkonyone. Quando era jovem, Isaac desenvolveu problemas na fala, que ameaçaram matar os seus sonhos e impedi-lo de ter uma vida normal e bem sucedida.
A história de Isaac
“Crescer com um problema na fala, como a gagueira, foi difícil. Na escola era pior, pois nunca tive medo de falar na frente dos meus colegas de classe. Mas era tão difícil pronunciar as palavras, que eu desistia. As crianças costumavam tirar sarro de mim e eu ia para casa chorar, porque não conseguia nem responder de volta. Eu não conseguia dizer nem uma palavra.
Mas, cada vez que eu ia para casa chorando, minha mãe enxugava minhas lágrimas e dizia: 'Meu filho, Deus te ama e Ele lhe fez à Sua imagem. Não sofra por aquilo que as pessoas estão dizendo. Lembre-se de quem criou você.' Foi maravilhoso ter pais tementes a Deus. Eles nunca permitiram com que eu me sentisse inferior ou que eu tivesse pena de mim. Até hoje lembro o conselho da minha mãe. Mesmo Deus nunca permitiu com que eu me sentisse inferior. Suas palavras a Moisés me mantiveram crendo que Ele tinha um plano para mim, apesar da minha ‘deficiência’.
‘Vai, pois, agora, e eu serei com a tua boca e te ensinarei o que hás de falar.’Êxodo 4.12
Com este versículo em minha mente, eu amadureci. Eu ainda estava gaguejando muito, mas já não me limitava. Na verdade, não estava mais limitando Deus."
Hoje, Isaac fala na frente de centenas de pessoas diariamente. Ele serve como um ministro da IURD em Cape Town, África do Sul e transformou sua ‘incapacidade’ em uma oportunidade para Deus usá-lo. Sua mensagem para todos aqueles que enfrentam aparentemente impossíveis desafios da vida é:
"Deus não tem limitações. Ele pode e vai usá-lo, desde que você se faça disponível para Ele. Se Deus pôde usar um jumento para falar, o que é impossível para Ele? Nada! Eu sou a prova disso!"